domingo, 28 de março de 2010

América Futebol Clube (Pernambuco)


Nome: América Futebol Clube (Pernambuco)
Alcunhas: Mequinha, Glorioso, Alviverde, Campeão do centenário
Mascote: Periquito
Fundação: 12 de abril de 1914
Estádio: Estádio Jacosão, na cidade de Vicência
Capacidade: 5.500 mil lugares
Presidente: Sérgio Marcelo Serpa

América Futebol Clube é um clube brasileiro de futebol, da cidade do Recife, capital do estado de Pernambuco. A sede fica localizada na Estrada do Arraial no bairro de Casa Amarela, zona norte

da cidade.

História

O América foi fundado em 12 de abril de 1914 com o nome de João de Barros Futebol Clube, por ter surgido numa casa situada na avenida do mesmo nome. Quase foi o primeiro pentacampeão do futebol pernambucano.

Em 22 de agosto de 1915 passou a ter a denominação atual a pedido do desportista Belfort Duarte, ligado ao América do Rio de Janeiro, que viera ao Recife buscar apoio para a fundação da Federação Nacional de Esportes, antecessora da antiga CBD.

Em visita a Pernambuco em agosto de 1915, Belfort Duarte, um dos símbolos do futebol brasileiro, recebeu uma homenagem do JBFC. Na noite de 22 de agosto, Belfort Duarte foi distinguido como capitão honorário do clube e mudou o nome do clube para América Futebol Clube, em homenagem ao seu clube de coração: o América Football Club do Rio de Janeiro.

Comunico-vos que em Assembléia Geral do João de Barros Futebol Clube, reunida no dia 22 de agosto de 1915 deliberou a mudança de nome daquela sociedade que ficou denominada "América Futebol Clube", convicto que esta deliberação em nada mudará as atenções dispensadas ao nosso antigo JBFC e espero a continuação das mesmas ao América Futebol Clube.Carta de Belfort Duarte enviada a imprensa.

Maior virada do futebol brasileiro

Aconteceu em 1915 pelo Campeonato Pernambucano daquele ano onde o América vencia o Santa Cruz por 5 a 1 até os trinta minutos do segundo tempo, e em 15 minutos o Santa Cruz marcou seis gols numa incrível sequência e venceu o jogo por 7 x 5. Essa partida foi a maior virada do futebol profissional brasileiro. A bola do jogo se encontra na sede do Santa Cruz no bairro do Arruda, no Recife.

Em 1918, o América sagrava-se campeão estadual, com a seguinte escalação: Jorge, Ayres e Alecxi; Rômulo,Bermudes e Soares; Siza, Angêlo Perez, Zé Tasso, Juju e Lapa.

Títulos

Regionais

Troféu Nordeste: 1923

Estaduais

Campeonato Pernambucano: 6 vezes 1918, 1919, 1921, 1922, 1927 e 1944
Vice-Campeonato Pernambucano: 9 vezes 1923, 1924, 1930, 1941, 1945, 1947, 1948, 1950 e 1952
Torneio Início: 11 vezes 1921, 1930, 1931, 1934, 1936, 1938, 1941, 1943, 1955, 1967 e 1970
Taça Recife: 1975.

Categorias de base

Campeonato Pernambucano de Juniores: 5 vezes 1962, 1963, 1968, 1977 e 1984
Campeonato Pernambucano Infanto-Juvenil: 1951
Campeonato de Aspirantes: 4 vezes 1928, 1930, 1932 e 1939

Outras Conquistas

Liga Suburbana: 4 vezes 1916, 1917, 1918 e 1929

Copa Torre: 2 vezes 1923 e 1924
Taça Casa Amarela: 3 vezes 1926, 1927 e 1928
Troféu Bairro da Boa Vista: 1933.
Torneio da Paz: 1940.
Torneio Cidade do Cabo: 1965.
Copa Roman: 1968.
Copa da Juventude: 1974.
Copa de Desportos Terrestres: 1986.

Futebol de Salão

Campeonato Pernambucano: 1985.
Taça Cidade do Recife: 1981.

Histórico em competições oficiais

Campeonato Brasileiro da Série B: 1972,1981, 1989 e 1991.
Campeonato Brasileiro da Série C: 1990.
Campeonato Pernambucano: 1916 a 1958, 1963 a 1995.

Ídolos

Alberto Salonni: jogou pelo América em 1932
Vavá: jogou pelo América em 1948, mas sem muito destaque logo se tranferiu para o Íbis Sport Club e Sport Club do Recife
Zé Tasso: jogou pelo América de 1918 a 1923
Dequinha: participou da Copa do Mundo de 1950.
Osséias: unico campeão vivo da ultima conquista do América pelo pernambucano em 1944.

Ranking da CBF

Posição: 171º
Pontuação: 25 pontos

Curiosidades



  • O América já teve a terceira maior torcida do estado, ficando atrás apenas do Santa Cruz e do Sport. Perdeu a posição para o Náutico, seu maior rival. Atualmente não tem um número expressivo de torcedores.


  • O América é a quarta força do estado de Pernambuco em se tratando em número de títulos conquistados. Atualmente a quarta força do estado é o Central da cidade de Caruaru que não obtem nenhum título pernambucano da 1° divisão.


  • O América Futebol Clube, mesmo com tanta tradição na área futebolistica, nunca teve um estádio propriamente dito. Até o início dos anos 1990 era comum vê-lo jogando com mando de campo nos estádios dos principais rivais.


  • O América já teve outros esportes agregados além do futebol, como o futebol de salão onde conquistou o título da cidade do Recife em 1981 e o título pernambucano de 1985 e o vice campeonato em 1989 e o basquete este sendo vice campeão pernambucano em 1977 e 1978.