quarta-feira, 14 de abril de 2010

Botafogo Futebol Clube (Ribeirão Preto)


Nome: Botafogo Futebol Clube
Alcunhas: Pantera da Mogiana, Bota, Fogão, Pantera da América
Mascote: Pantera Negra
Fundação: 12 de outubro de 1918

Estádio: Santa Cruz
Capacidade: 28.562 pessoas
Presidente: Luiz Antonio Pereira
Treinador: José Neto

O Botafogo Futebol Clube é um clube brasileiro de futebol da cidade de Ribeirão Preto, interior de São Paulo. Fundado em 1918, é um dos mais tradicionais clubes do Brasil. Em sua trajetória, revelou vários jogadores para a Seleção Brasileira e futebol mundial como Zé Mário, Geraldão, Sócrates, Boiadeiro, Eurico (academia do Palmeiras), Raí, Doni, Leandro, Cicinho, Diego Alves, Bordon, entre outros. Atualmente disputa a série A1 do Campeonato Paulista, ao lado dos grandes clubes do estado. O Botafogo é dono da maior torcida da sua região com três milhões de habitantes e detém 75% dela comprovadamente. É uma das maiores torcidas do interior brasileiro. Tem o terceiro maior estádio particular do Brasil, sendo o trigésimo terceiro do mundo, com uma capacidade de 60 mil torcedores, mas atualmente apenas pouco mais de 28 mil liberados. O clube também serviu de inspiração para a fundação do Botafogo de Cordinhã em Portugal.

História

No começo do século XX, a cidade de Ribeirão Preto tinha disputas bastante acirradas entre clubes de futebol. Cada bairro tinha pelo menos um clube representando-o. Na Vila Tibério, eram três: União Paulistano, Tiberense e Ideal Futebol Clube. Por conta disso, o bairro nunca conseguia alcançar bons resultados nos campeonatos disputados na cidade. Em 1918, representantes do Ideal propuseram uma fusão dos clubes do bairro. A proposta foi aceita e, em 1918, surgiu o Botafogo Futebol Clube. O nome surgiu, pois de consumada a união entre os três times, faltava escolher o nome do novo clube. Diz a lenda que depois de muita discussão e confusão, sem que se chegasse a nenhuma conclusão, um dos diretores declarou que botaria fogo em todos os documentos e que a fusão das equipes seria desfeita. A ameaça incendiária do dirigente acabou ajudando na escolha do nome. Nas primeiras décadas do século, o Botafogo do Rio de Janeiro era um dos clubes mais famosos do Brasil e todos concordaram em homenagear o time carioca na hora de batizar a nova associação. A estréia do Botafogo aconteceu em Franca, contra o Esporte Clube Fulgêncio, um time daquela cidade. A partida terminou 1 x 0 em favor do time de Ribeirão Preto. O primeiro título do Botafogo foi o de Campeão do Interior, em 1927. Em 1956, o clube foi o campeão do Centenário de Ribeirão Preto, vencendo o Comercial na final, por 4 x 2. O Botafogo recebeu ainda a Taça dos Invictos, após ficar 19 partidas sem perder. No mesmo ano, o time também foi campeão da Segunda Divisão do Campeonato Paulista.

Em 1962, o Botafogo fez uma excursão pela Argentina, onde conquistou nove vitórias, três empates e duas derrotas. Entre elas, uma vitória sobre o Boca Juniors por 2x1 em plena La Bombonera. Depois dessa viagem, o clube passou a ser conhecido como "Pantera da América". No ano de 1977, o Botafogo foi campeão do primeiro turno do Campeonato Paulista, garantindo a Taça Cidade de São Paulo. Na década de 1990, dois vice-campeonatos e dois acessos: da Série C, em 1996, e da Série B, em 1998. No ano seguinte, o Botafogo foi rebaixado e, em 2000, disputou a Copa João Havelange no Módulo Amarelo (equivalente à Série B). Em 2002, foi rebaixado novamente, indo para a Série C.

Em 2001 o Bota foi vice-campeão paulista, feito extraordinário para um clube do interior, que disputa um dos campeonatos mais difíceis do Brasil. O Botafogo foi rebaixado para a série A3 em 2005 por conta de problemas com escalação irregular de jogador sem registro junto à Federação Paulista, no famoso "tapetão". No ano seguinte, conquistou acesso para A2. Em 2007, só não subiu por conta de dois gols anulados em jogo decisivo, pela bandeirinha Aline Lambert, contra o União São João. Em 2008, voltou para elite do futebol paulista, tendo disputado a série A1 em 2009 e terminado na 15ª colocação.

Em 2010 o Bota se classificou para a Série D do Nacional, ao bater o Sertãozinho por 3x1, rebaixando o mesmo

Títulos

Estaduais


Campeonato Paulista do Interior: 1927

Campeonato Paulista - Série A2: 2 vezes 1956, 2000

Campeonato Paulista - Série A3: 2006

Torneio Início: 1957

Torneios internacionais

Sesquicentenário da Argentina: 1972.
Torneio Internacional da Argentina: 4 vezes — 1962, 1969, 1971 e 1972.
Pentagonal da Guatemala: 1966.

Torneios estaduais

Taça Cidade de São Paulo: 1977.
Torneio Vicente Feola: 1976.
Taça do Centenário de Ribeirão Preto: 1956.

Estatísticas

Paulista da 1ª divisão: 44 participações
Campeonato Brasileiro da 1ª divisão: 6 participações
Campeonato Brasileiro da 2ª divisão: 13 participações
Campeonato Brasileiro da 3ª divisão: 4 participações
Copa do Brasil: 3 participações

Torcida

Fiel Força Tricolor, fundada em 1992, possui um dos maiores bandeirões do interior do Brasil, oitavo maior do mundo, medindo 135x33 metros, sendo 90% pintado. Em 2008, a FFT desfilou no carnaval de Ribeirão Preto como bloco, celebrando os 90 anos de fundação do Botafogo. O atual presidente da torcida é André Trindade.

Ranking da CBF

Posição: 37º
Pontuação: 554 pontos