segunda-feira, 12 de abril de 2010

Guaratinguetá Futebol Ltda


Nome: Guaratinguetá Futebol Ltda
Alcunhas: Guará, Garça do Vale, Tricolor do Vale
Mascote: Garça
Fundação: 1 de outubro de 1998
Estádio: Ninho da Garça
Capacidade: 14.415 pessoas
Presidente: Eduardo Ferreira
Treinador: Givanildo (Interino)

O Guaratinguetá Futebol Ltda (antigo Guaratinguetá Esporte Clube) é um clube brasileiro de futebol da cidade paulista de Guaratinguetá. Em 2007, disputa pela primeira vez a primeira divisão do Campeonato Paulista de Futebol, tentando alcançar os feitos da Associação Esportiva Guaratinguetá, extinto clube da cidade. Em 2010, irá disputar o Campeonato Brasileiro - Série B devido ao acesso obtido na Série C em 2009 ao chegar em 4º lugar.

História

O Guaratinguetá Futebol Ltda. foi fundado no dia 1 de outubro de 1998 com o nome de Guaratinguetá Esporte Clube. Carinhosamente conhecido como Guará. Disputou sua primeira competição profissional em 2000, que foi o extinto Campeonato Paulista - Série B2 e terminou na quinta colocação e não conseguiu subir de divisão.

Já em 2001, quando tinha no elenco Marcinho Guerreiro (jogador que ficaria conhecido em 2004 jogando pelo Palmeiras), a equipe terminou na terceira posição e subiu para o Campeonato Paulista - Série B1. Logo em sua estreia em 2002, a equipe terminou como vice-campeã, conseguindo assim, o acesso para a Série A3. No ano seguinte, o time disputa o Campeonato Paulista Série A3 e não passa da primeira fase.

Em 2004, chega ao clube o empresário Sony Douer, da empresa Sony Sports para gerenciar o futebol no clube ao lado do presidente Carlos Arini (Carlito), e o Guaratinguetá Esporte Clube muda o nome para Guaratinguetá Futebol Ltda. Assim, o time terminou o campeonato na terceira colocação e conseguiu o acesso para o Campeonato Paulista - Série A2 de 2005.

Em sua estreia na Série A2 daquele ano, o time terminou na 17ª colocação e por pouco, não foi rebaixado. Já em 2006, veio a redenção. A equipe mantém a regularidade até o fim e, com um empate por 1x1 contra o Barueri jogando fora de casa, termina o campeonato na quarta posição e consegue o acesso para a elite do futebol paulista. Logo em sua estreia na Série A1 em 2007, o time consegue o título de Campeão do Interior contra o Noroeste jogando em Bauru. Em 2008, feito ainda maior: o time tem a melhor campanha na primeira fase comandado pelo camisa 10 Michael e consegue a classificação para as semifinais do campeonato estadual e a vaga na Copa do Brasil de 2009. Na semifinal, a equipe enfrenta a Ponte Preta e é eliminada após perder as duas partidas (1x0 fora, e 2x1 em casa).

Depois, ainda em 2008, o time participa pela primeira vez do Campeonato Brasileiro da Série C. Mesmo não jogando em seu estádio (no qual o gramado estava sendo reformado), o time faz uma boa campanha e termina na nona colocação de 64 equipes participantes, não conseguindo o acesso, porém com vaga garantida na série C do ano seguinte, que seria disputada por 20 clubes.

Em 2009, o time vai mal no Campeonato Paulista e termina o certame na 17ª posição, sendo assim, rebaixado para a segunda divisão. Na Copa do Brasil, o time passa pelo Caxias vencendo por 2x0 em casa, e perdendo de 2x1 fora. Depois, pega o Atlético Mineiro e empata em casa por 2x2 e perde por 2x0 fora, sendo assim, eliminado da competição. Muita gente achou que o time estava falido, mas no Campeonato Brasileiro da Série C, veio a redenção: o time venceu todas as partidas no Ninho da Garça na primeira fase e foi enfrentar novamente o Caxias para decidir vaga na Série B. Com uma vitória em casa por 2x0 e empatando fora por 1x1 (com gol do lateral-esquerdo Edu Pina) no dia 16 de agosto de 2009, a equipe conseguiu o acesso ao Campeonato Brasileiro da Série B de 2010.

Na semifinal, o time enfrentou o América Mineiro, com uma vitória em casa por 2x1 e uma derrota fora pelo mesmo placar, a decisão foi para os pênaltis e o time foi eliminado. Mas, a vaga na Série B já estava garantida. No dia 30 de setembro de 2009, o presidente Carlos Arini deixa o clube e dá lugar ao até então diretor de futebol Eduardo Ferreira na presidência do Guará.

Títulos

Campeão Paulista do Interior: 2007.

Nacionais


4° lugar no Campeonato Paulista de 2008.
3º lugar no Campeonato Brasileiro - Série C de 2009.

Ídolos


  • Édson Bastos

  • Marcinho Guerreiro

  • Triguinho

  • Alessandro Cambalhota

  • Michael

  • Fábio (goleiro)

  • Nenê

  • Rocha

  • Caiuby

  • Alê

  • Magal

  • Dinei

Clássicos

Os principais clássicos são contra os clubes das cidades vizinhas do Vale do Paraíba; Taubaté, São José, e tambem Bragantino, Barueri,ePonte Preta. A rivalidade é originária do antigo clube de futebol da cidade de Guaratinguetá - A Esportiva - e também pelo título de principais cidades do Vale do Paraíba.

Torcidas organizadas


  • Fúria Tricolor

  • Torcida Jovem

  • Nação Especialista
  • Camisa 14

  • Torcida do Alambrado

  • Tricolor do Vale

  • Sangue Tricolor

  • Paladinos da Garça